Motivos da desistência seriam as telas de 4K, que causam superaquecimento nos aparelhos, e a falta de conteúdo disponível.

Samsung e LG desistiram de lançar smartphones 4K em 2016. O motivo? Segundo elas, as telas de 4K estariam causando superaquecimento nos celulares. Falta de conteúdo também é dado como motivo para a desistência. Até o momento, apenas o Xperia Z5 Premium, da Sony, possui a resolução 4K disponível.

A informação, porém, ainda não é concreta, sendo apenas rumores que podem vir a se confirmar em breve. As empresas estariam preocupadas também, com a possibilidade da função acabar consumindo bateria demais de seus aparelhos, diminuindo o tempo de uso e de vida das mesmas. Porém, até o momento, o Z5, que possui o 4K, ainda não apresentou esses problemas, ao menos, em massa.

Ainda não é possível encontrar tanto conteúdo em 4K na internet ou em filmes e apps, o que justificaria o fato do investimento ainda não ser viável.

Os rumores vêm direto da mídia coreana, que segundo relatórios lançados pela mesma, as empresas estariam mais interessadas na tecnologia QHD do que na 4K, no momento. A resolução QHD é de 2560 x 1440, enquanto a 4K é de 2160 x 3840. Ainda segundo os relatórios, como os da iNews 24, a LG e a Samsung até possuem interesse no 4K, porém ambas não possuem pressa em investir na tecnologia.

A previsão para LG e Samsung lançarem celulares 4K, por enquanto, é 2018, junto do avanço das redes 5G. O motivo é que como os arquivos 4K são pesados, com o 5G os arquivos com a resolução ficariam mais populares, utilizados e com carregamento/download mais rápido.

No Brasil, a quantidade de conteúdo disponível em 4K, é ainda menor, muito graças não só a escassez de aparelhos com essa resolução, como câmeras e celulares, mas também principalmente pelos problemas enfrentados nas redes de internet, como o 3G e o 4G, que dificultam, como já citado, o carregamento ou download desses arquivos.

Por Isis Genari

Samsung e LG

Foto: Divulgação





CONTINUE NAVEGANDO: