Confira maneiras eficazes de como desbloquear um celular para poder usar chips de diversas operadoras.

Na atualidade quase ninguém vive sua vida prática sem um aparelho celular na mão. Mas, embora todo mundo precise de um telefone portátil, nem todos podem trocar de aparelho com frequência, pois nem sempre os melhores celulares são vendidos a preços acessíveis.

Muitos dos smartphones foram elaborados de modo a funcionar apenas sob uma operadora, do contrário, nenhum outro tipo de chip funcionará se for encaixado no aparelho. Porém, existe uma alternativa que permite o desbloqueio de telefones celulares. Neste texto será abordado um modo eficaz de realizar esse procedimento. Entretanto, assim que aprender a desbloquear um celular o usuário poderá inserir um chip de qualquer outra operadora, já que, embora muitas vendam aparelhos mais em conta, nem sempre criam um sistema flexível que permita a troca por qualquer tipo de chip. Essa situação dificulta muito a vida dos consumidores, que precisam de praticidade.

De acordo com informações oriundas do site oficial da Anatel, desde o ano de 2010 todas as operadoras têm o dever de manter desbloqueados os aparelhos celulares comercializados, sendo que essa flexibilidade deve estar disponível a todo o momento e de modo gratuito para todos os usuários. Deste modo os consumidores ficam livres para escolher chips de sua preferência, conforme a empresa em que mais confiam.

Em geral, qualquer pessoa que deseje desbloquear algum dispositivo de celular necessita entrar em contato com a operadora, para conseguir ter sucesso no procedimento, com frequência por meio de atendimento telefônico ou dirigindo-se até uma loja especializada. Mesmo assim, é comum que ainda muitas companhias mantenham certa dificuldade para que possam lucrar com isso. Portanto, os passos para realizar um eficaz desbloqueio de celular são os seguintes:

O primeiro procedimento necessário é o de acessar a página eletrônica e realizar o download de um aplicativo chamado WorldUnlock Code, o qual permitirá que o usuário faça o necessário desbloqueio de seu aparelho celular.

O passo seguinte é de instalar o programa em questão, depois de realizado o download é importante não se esquecer de estar com o código IMEI do celular em mãos.

O próximo passo é a utilização do mesmo código IMEI no celular. Se o usuário não souber como acessar esse código, não há motivo para aflição, pois o modo de fazê-lo surgir na tela é por meio da digitação do código indicativo de *#06# no próprio celular, depois é necessário selecionar o fabricante por meio do Menu, em seguida acessar o modelo de celular e, por fim, digitar o código IMEI que foi puxado pelo programa.

Existem diversos modos de realizar o procedimento conforme a operadora. Em caso de a operadora ser a Tim, serão três opções de procedimentos, ou seja: existe a TIM, a TIM NEW1 e também a TIM NEW2. Mas, qual delas deverá ser utilizada? Como saber? Para isso é necessário que o usuário verifique o chip de seu celular, conferindo nele um código numérico de padrão tal como 8955XX no qual o espaço XX estará indicando o código da rede de cada um. Uma pequena tabela esquemática ajudará a distinguir as áreas:

– O número 02 é correspondente ao setor nordeste, ao setor centro-oeste e ao sudeste, com exclusão do Estado de São Paulo;

– O número 03 é correspondente do próprio Estado de São Paulo;

– O número 04 é correspondente a toda região sul, ou seja, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, incluindo o Estado de Mato Grosso do Sul.

Prosseguindo, o usuário preenche todos os dados exigidos e aciona a função: Calculate. Para finalizar o processo de desbloqueio o usuário precisa desligar o telefone, desatrelar o chip da operadora utilizada, ligar novamente o aparelho e digitar os códigos fornecidos pelo programa.

Por Paulo Henrique dos Santos

Desbloquear celular


Nesta sexta-feira, dia 07 de dezembro de 2012, a operadora de telefones TIM informou que está vendendo em todo o Brasil o iPhone cinco da Apple já desbloqueado.

Fonte: Hardsakura

As vendas irão começar neste dia 14 de dezembro de 2012 com valores que variam entre R$2.400,00 e R$3.000,00 de acordo com as características e capacidade do aparelho entre 16 e 64 GB.

Por Ana Camila Neves Morais


A Apple esta trabalhando duro para impedir o desbloqueio dos seus aparelhos. O último “vilão” que apareceu na rede, e foi provisoriamente vencido, é o JailBreakMe.  A empresa conseguiu impedir que o aplicativo funcionasse na versão 4.0.2 do IOS, porém a batalha ainda não está ganha.

A ferramenta Redsn0w, que foi produzida por hackers do Dev-Team, consegue burlar a segurança do aparelho e liberá-lo.

Na última semana a empresa lançou a versão iOS 4.0.2,  feita para reparar um erro no visualizador de arquivos pdf que abria uma porta para o JailBreakMe desbloquear  os acessos ao iPhone. Desse modo os usuários tinham um jeito rápido e cômodo de liberação do aparelho. Tudo isso serviu para a Apple observar a falha grave de segurança que o iPhone continha, pois crackers poderiam usar o mesmo caminho para invadi-lo.

O Redsn0w foi testado no iPhone 3G e iPod Touch e obteve sucesso.

Para maiores informações do aplicativo clique aqui.

Por Oscar Ariel


O lançamento do software Jailbreakme chega para facilitar a vida dos usuários do iPhone, quando se trata em desbloquear o telefone. Usualmente o ato era efetuado por meio do PC, onde se hackeava o telefone para usufruir maior liberdade. Esse processo ficou mais simples e rápido com o JailbreakMe.

O programa trabalha em uma falha que o visualizador PDF do navegador Safári apresenta, ele libera acesso total as políticas de proteção da Apple.

Aqui vão alguns pontos positivos para se fazer o desbloqueio do iPhone. Existem bons apps para os aparelhos com o JailbreakMe, como Mixtube que baixa vídeos do Youtube e o My3G, que permite processos  em rede 3G que eram exclusivos para wi-fi.  O software não precisa ser baixado para o desktop, nem necessita de atualizações. Você pode desinstalar a o programa sem nenhum dano caso não aprecie seu uso. Também pode se realizar video-chamada pelo FaceTime via 3G, antes somente em wi-fi.

Por Oscar Ariel


A Oi chegou em  São Paulo com o novo conceito de liberdade de escolha e simplicidade, e assim abalou o mercado de telecom com o desbloqueio de celulares. Agora é lei, todas as operadoras devem fazer o desbloqueio do aparelho ou minimodem.

É obrigatório que todas as operadoras desbloqueiem aparelhos com mais de 12 meses de contrato, caso aconteça algum desconforto o consumidor tem duas opções, pode denunciar a operadora ou pedir a ajuda da Oi, a empresa desbloqueia o celular para você de graça, basta levar a nota fiscal e documento de identidade.

Com o celular desbloqueado você é livre para aproveitar as promoções de qualquer operadora e tem muito mais vantagem. Além de poder colocar seu chip em qualquer outro celular, você pode utilizar um chip local quando for viajar e economizar seus créditos e ainda pode trocar de chip a hora que quiser para utilizar o melhor sinal de cobertura.

Vale a pena ser livre para escolher o melhor para você e também para o seu bolso, procure sua operadora e faça o desbloqueio de seu celular, é simples e fácil.





CONTINUE NAVEGANDO: