O Samsung Galaxy Note II chegará às mãos dos consumidores, que aguardavam ansiosos pelo lançamento do aparelho, com a última versão da plataforma do Google, ou seja, com Android 4.1 Jelly Bean. Além disso, ele virá com o TouchWiz, a interface personalizada da Samsung.

A tela do Galaxy Note II é de 5,5” Super Amoled. A mesma possui uma resolução de HD 1280X720 pixels. Já o processador será de 1,6 GHz quad-core. Além disso, o aparelho também trará uma câmera de 8 MP, que será traseira, e uma de 1,9 MP, dianteira. A bateria será de 3.100 mAh.

O novo modelo da empresa coreana fará sua estreia com 2 GB de memória RAM, mas, também haverá outras versões que serão de 16 GB, 32 GB e 64 GB, expansíveis via microSD.

O processador, como citado anteriormente, é um quad-core. Mas desta vez não será o Snapdragon S4 Pro. O Samsung Galaxy Note II será equipado com um  quad-core Exynos. Dado esse pequeno fator, vale ressaltar que o aparelho perderá um pouco de seu desempenho no que diz respeito à performance, bem como à rede 4G LTE, ou seja, a falta de suporte à mesma.

Quem for adquirir o aparelho poderá escolher entre as cores branco e cinza. A previsão é de que o aparelho chegue em outubro no mercado europeu. Por aqui, ainda vai demorar mais um pouco.

Por D. Soares


Está para ser lançado nos cinemas brasileiros a película “Rede Social”, que aborda o fenômeno do momento, Mark Zuckerberg, criador do Facebook – ou para elucidar de maneira pouco mais ampla, um dos jovens mais rico de todo o planeta. Anteriormente a esse aplicativo existiam outros, entre os quais Orkut (ainda preferência no Brasil).

De todo jeito, ambos e outros mais possuem a mesma capacidade e escopo de integrar, virtualmente, pessoas do mundo inteiro.

As realidades impalpáveis da rede mundial de computadores se expandem velozmente a outras plataformas, tais como celulares. Meses atrás, a Motorola lançou ao mercado seu Motocubo (A45), que além de oferecer design diferenciado, tem por característica acesso total, mesmo numa velocidade sem muita expressividade, ao Facebook, Twitter, Orkut, entre outros.

E se essa tendência já é quase uma obrigação, eis que a LG anuncia o modelo LG S310, GSM quadband com display de 176 x 220 pixels e câmera integrada de 3,2 megapixels. Outras características chamam a atenção, uma delas os já comuns players MP3, agenda telefônica com mil posições e memória interna de 14,5 megabytes – com possibilidade de expansão para 8 gigabytes. O foco do aparelho é justamente o acesso a redes sociais. Por enquanto, seu lançamento só ocorrerá na Europa sob o valor de 120 euros.

Por Luiz Felipe T. Erdei

Fonte: Tudo Celular


A HTC não é um marca muito conhecida no Brasil, apesar de ser uma das melhores fabricantes de celulares do mundo. Seus modelos geralmente são resistentes e tem excelente e superior qualidade. Também nunca para de lançar novas opções.

Há poucos meses lançaram nada menos do que SETE modelos de celular, cinco deles com o sistema operacional Windows Phone 7. Este mês lançaram o HTC Gratia, um lindo e arrojado smartphone, de design sensacional. Além da aparência ainda possui tela de 3,2 polegadas e roda a versão Android 2.2. A câmera tem cinco megapixels e já vem com wi-fi, 3G e GPS.

Mas por aqui não aparecerá, por enquanto a venda é apenas para a Europa. Tão elegante e com tanta classe que chega ser até arrogante por não ser vendido no Brasil!

Por Teresa Almeida


A bagunça gerada entre fabricantes de aparelhos celulares e suas variações de entradas para o carregador de bateria está com os dias contados, pelo menos na Europa. A partir de 2011 todos os aparelhos precisam ter o mesmo padrão de conexão do carregador. A regra já foi bem recebida pela Samsung, Sony Ericsson e Nokia, as quais já possuem um acordo de padronização.

O formato padrão escolhido foi o já difundido mini USB. A partir do ano que vem, todos os celulares precisam oferecer este tipo de entrada para que seja possível o carregamento da bateria. O fabricante que não se adequar à regra, será impedido de vender o aparelho. Isso é uma boa notícia para quem viaja muito, tendo em vista que além dos carregadores, as tomadas também serão padronizadas em breve no mundo todo.

Por Camila Porto de Camargo

Fonte: Info Online





CONTINUE NAVEGANDO: