O nome do sistema é Insight, que é projetado pela Google Glass e parcialmente financiado pelo Google, o aplicativo consegue identificar uma pessoa apenas com o reconhecimento de roupas e outros acessórios. O smartphone ou fone do Glass do usuário, o avisaria assim que terminasse o reconhecimento de alguma pessoa conhecida, evitando que ela passe desapercebido pelo mesmo.      

A empresa diz que o objetivo dessa tecnologia, é ajudar os usuários a identificar familiares e amigos em locais com superlotação, como aeroportos, shows, ruas e etc, a fim auxiliá-lo a não ficar perdido, ou não perder um encontro com essas pessoas.

O grande inconveniente é que esse reconhecimento é baseado em roupas e acessórios de uma pessoa, que são armazenadas em um banco de dados fechado, o que acarreta que se a pessoa mudar seu esquema de roupas, acabará passando desapercebida pelo sistema do Insight.

O banco de dados de reconhecimento é criado de uma forma bastante prática. Através de fotos diversas de uma pessoa, o aplicativo cria um arquivo que registra os padrões de roupas e cores, gerando algo como uma impressão digital da aparência de cada um, permitindo o reconhecimento após esse registro. É lógico que existem avançados sistemas de reconhecimento facial, mas esse app pode realizar o reconhecimento mesmo se alguém estiver de costas, onde o rosto não pode ser visto. 

Por Fábio G. Santos


Sergey Brin no metrô com o Google GlassO Google Glass é um óculos que permite aos usuários interagir com o ambiente ao seu redor junto com diversos conteúdos utilizando a tecnologia de realidade aumentada. Ele pode enviar mensagens instantâneas, tirar fotos a partir de comandos de voz e fazer videoconferências.

Atualmente o Google Glass está em testes e, para demonstrar que ele foi feito para várias situações, os Engenheiros do Google saltaram de paraquedas e fizeram um Hangout com o óculos utilizando uma conexão 3G. 

No início deste ano, quem apareceu utilizando o novo produto foi o presidente da empresa, Sergey Brin. Ele andava pelo metrô de Nova York com a invenção e foi reconhecido e fotografado por um fã da invenção. A foto de Brin fez sucesso no Twitter.

O Google Glass deve ser lançado no fim de 2013, com um preço estimado em US$ 1.500. Devido ao alto preço inicial, somente um pequeno número de pessoas poderá utilizar a tecnologia, mas a tendência é que ela seja popularizada no futuro, como foram os smartphones, por exemplo.

Por BCC





CONTINUE NAVEGANDO: