A Apple lançou no começo deste mês de março a atualização do seu sistema operacional iOS 7.1 com o intuito de proporcionar melhorias de utilização para seus clientes. O novo gadget corrigiu bugs, incluiu novas funções nos celulares e progressos na interface dos smartphones da marca. No layout a mudança aconteceu nos ícones, principalmente no de atender e encerrar chamadas, que agora estão sem pontas (circulares).

Contudo, a atualização ainda deixou alguns inconvenientes e está valendo a pena fazer uma comparação do iOS anterior para o atual. A principal novidade do 7.1 é o CarPlay, que desempenha uma refinada atualização de os gadgets trabalharem com a integração do sistema do celular com o sistema dos automóveis. A intenção é fazer o controle de funções do iPhone no painel do veículo, como na navegação, nos playlists e no telefone. O serviço será uma possibilidade para um futuro próximo, ou seja, os usuários brasileiros, mesmo com a atualização feita, ainda não têm a compatibilidade com seus carros, já que as marcas ainda estão em processo de parceria com a Apple para a fabricação de modelos que possuam um sistema integrado com o novo iOS.

Outra novidade é a possibilidade do usuário colocar no calendário do seu aparelho a sua região e sua religião para compatibilizar com as datas em que haverá feriados e datas comemorativas nacionais, regionais e religiosas.

A principal mudança da atualização dos aparelhos para o novo iOS 7.1 foi no quesito de reinicialização repentina. Com o novo sistema, esse problema foi resolvido. O programa também melhorou o desempenho de modelos mais antigos, como os iPhones 4, o iPad 2 e o iPad 3.

As baixas começam na promessa de melhorias no sistema Touch ID, o que, segundo relatos de usuários, não ocorreu nenhuma mudança. Muitos consumidores, pelo Twitter, reclamaram de problemas com o aplicativo e no site de suporte oficial da Apple. Outros, no entanto, relatam melhor funcionamento do sistema.

Outro problema que está incomodando os usuários é a limitação do uso do aparelho como roteador Wi-Fi, um pedido que a Apple cedeu as operadoras. A T-Mobile, por exemplo, uma grande operadora norte-americana, somente libera a entrada ao Acesso Pessoal – usado para compartilhar a acessibilidade a internet do telefone com outros dispositivos – com o pagamento de taxas integradas ao plano telefônico do usuário.

A maioria das funções atualizadas pelo iOS 7.1 traz benefícios e novas possibilidades aos usuários. Mas para quem depende da utilização do Touch ID e usa com frequência o hotspot Wi-Fi de compartilhando de internet com planos limitados, a atualização não é uma boa pedida.  Outra questão é o Jailbreak, que deve ser refeito a partir de cada nova versão da plataforma.

Por Carolina Miranda

ios71

Foto: Divulgação


Apesar do recente lançamento do novo sistema operacional da Apple, o iOS 7, já foi descoberta uma grande vulnerabilidade nele: é possível acessar dados pessoais do usuário, como em e-mails, fotos e contas nas redes sociais, sem permissão, a partir da tela de bloqueio do aparelho.

A falha, detectada em vários modelos de iPad e iPhone, foi descoberta por um soldado espanhol e é simples de ser feita por qualquer usuário, bastando o invasor acessar a tela de bloqueio do aparelho, acionar o Centro de Controle (uma das grandes novidades do sistema operacional) e abrir o aplicativo de despertador.

Em seguida, é preciso segurar o botão “sleep” do aparelho. Porém, em vez de desligá-lo, cancele a atividade e pressione duas vezes o botão Home para acessar a tela de multitarefa.  A partir dali, é possível acessar a câmera e compartilhar fotos salvas no dispositivo, tendo, assim, acesso a contas de redes sociais e e-mail do dono do aparelho.

A Apple diz estar consciente o problema e, por conta disso, já prepara uma correção, que será a primeira atualização do sistema operacional lançado há poucos dias. 

Por Jorge Souza


Depois de muitas atualizações do sistema iOS sem grandes modificações, o iOS 7 promete modificar radicalmente o padrão. Apesar de ainda não ter divulgado a data oficial de implantação do novo sistema, a empresa já divulgou as principais alterações.

O impacto já começa com o novo visual, os ícones, que seguiam o mesmo padrão desde o início, serão modificados. A barra de deslize que desbloqueia os aparelhos, marca registrada da Apple, não existirá mais. Agora, será necessário apenas arrastar a tela para o lado e ela desbloqueará, algo semelhante ao que acontece em alguns aparelhos que tem como sistema operacional o Android.

Outra novidade é a Central de Controle. Os usuários iOS que antes tinham que acessar o longo caminho dos “ajustes” para realizar simples mudanças de configurações, agora vão precisar apenas deslizar o dedo na parte debaixo do aparelho. A central permitirá que você ligue e desligue o Wi-Fi, o Bluetooth, o modo avião, a rotação da tela e a função “não perturbe”. Além disso, você poderá ajustar o brilho da tela e ter acesso ao player de músicas.

As mudanças não param por aí, a central de notificações, a barra multitarefa e algumas opções na câmera também serão diferentes. O AirDrop é outra novidade de destaque, o recurso permite a transferência de qualquer tipo de arquivo a partir de qualquer aplicativo, através do botão compartilhar. A troca porém, continua sendo permitida apenas entre usuários do sistema iOS.

É importante ressaltar que algumas modificações são restritas a determinados modelos de aparelho. As alterações ainda não são definitivas, outras novidades podem surgir e as anunciadas ainda podem ser alteradas até o lançamento oficial. 

Por Janaina Campos


Recentemente podemos ver vários boatos sobre o novo sistema operacional para dispositivos móveis da marca americana Apple, porém dessa vez parece que a empresa finalmente resolveu testar publicamente o novo OS.

Após flagrar o novo sistema do Google, o SlashGear dessa vez conseguiu captar o novo sistema da principal concorrente do Android, o novo iOS 7 da Apple. Os 12 acessos foram flagrados no dia 2 de maio. Tudo isso indica que na próxima WWDC provavelmente os comentários estarão certos e a “Maçã” irá lançar o seu novo sistema operacional.

O novo sistema da Apple deve ser o primeiro em muito tempo que irá contar com um design e interface diferentes. Algo que vem sendo mostrado por diversos motivos e que os especialistas ainda confirmam que ele virá todo repaginado.

O lançamento oficial do iOS 7 deve ocorrer entre os dias 10 e 14 de junho, no evento que a própria Apple realiza chamado WWDC e que geralmente é onde a empresa revela as suas principais novidades, desde gadgets, como iPad e iPhone, até novos modelos de MacBook e sistemas operacionais.

Por Henrique Nicolau





CONTINUE NAVEGANDO: