Peeple – Novo Aplicativo permite avaliar seus Amigos



  

Novo app permite que usuários sejam avaliados na esfera amorosa, profissional e pessoal.

Você já pensou em participar de uma rede social onde o único objetivo é poder avaliar todas aquelas pessoas que você conhece? Desde o seu melhor amigo, até o seu vizinho, ex-namorado e até mesmo seu chefe? Nós já vimos algo do tipo com o Lulu, aplicativo que gerou enorme polêmica no Brasil e chegou a ser banido. Agora, um aplicativo lançado promete causar ainda mais polêmica. Trata-se do Peeple.

O aplicativo havia sido anunciado em Outubro do ano passado, 2015, por Julia CorDray e Nicole McCullough, que já na época sofreram uma verdadeira enxurrada de críticas, já que seria possível avaliar pessoas que sequer estavam cadastradas no serviço.

Agora, o aplicativo já polêmico antes mesmo de seu lançamento está disponível para download para os usuários da App Store, da Apple. Ainda não se sabe quando o aplicativo será lançado para o Android ou talvez até mesmo para o Windows Phone, mas se o aplicativo estiver de pé até lá, é bem possível que isso ocorra em breve ao menos para os usuários do Android.

Os usuários do iOS que já contam com o aplicativo poderão avaliar qualquer pessoa que esteja entre seus amigos no Facebook ou contatos do Celular, nas esferas profissional, amorosa e pessoal, possibilitando a pessoa que for avaliada criar uma reputação, embora o que pode acontecer é exatamente o contrário.





Com as avaliações, seria possível ao usuário poder melhorar suas relações, nas três esferas citadas, já que boa qualificação amorosa pode representar ao menos uma ajudinha na hora de você encontrar um novo (a) namorado (a), bem como no caso da esfera profissional, que irá permitir aos usuários conseguirem oportunidades melhores de empregou ou aumentar suas chances de ser chamado por uma empresa com sua reputação no app.

É possível avaliar as pessoas em até 5 estrelas e para que o app não acabe sofrendo uma série de processos, é possível que o usuário avaliado possa simplesmente controlar o que será ou não público em seu "perfil", já que não é necessário que o mesmo esteja cadastrado.

Inicialmente o app sequer iria exigir dos usuários ter a pessoa nos contatos ou Facebook, mas a medida foi tomada para evitar possíveis casos de bullying no app.

Por João Trajano



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *